Perve Galeria

Notícias

Sem título | Ed Cross - Fine Art | 01/02/2024 > 29/02/2024

1

PT| Inaugura a 1 de fevereiro, entre as 18h e as 20h, na galeria Ed Cross - Fine Art, em Londres, a exposição "Sem título", primeira mostra individual de Teresa Roza d'Oliveira (1945-2019), mestre moçambicana de ascendência portuguesa, no Reino Unido. Esta marca a estreia da colaboração entre a Perve Galeria e a Ed Cross - Fine Art, à qual se seguirão outras importantes mostras que visam contribuir para o reconhecimento internacional dos artistas lusófonos. A não perder, até 29 de fevereiro!

 

Na seguinte ligação poderá aceder ao texto escrito por Richard Gray para o catálogo da exposição (apenas em inglês): link 


ENG| The first solo show of Teresa Roza d'Oliveira (1945-2019) in the UK, opens on February 1stbetween 6pm and 8pmat Ed Cross - Fine Art, in London "Sem Título" marks the debut of the collaboration between Perve Galeria and Ed Cross, which will be followed by other important exhibitions aimed at contributing to the international recognition of Portuguese-speaking artists. Not to be missed, until February 29th!

You can access the text written by Richard Gray for the exhibition catalogue at the following link: link

 

"Sem título"

Ed Cross - Fine Art

01 - 29 fevereiro 2024 | February 1st - 29th 2024

3.ª - 6.ª: 11h - 18h; sábado: 10h - 17h

Tuesday - Friday: 11am - 6pm; saturday: 10am - 5pm

 

PT| Entre 1 e 29 de fevereiro estará patente na galeria Ed Cross - Fine Art, em Londres, a exposição "Sem título", primeira mostra individual no Reino Unido de Teresa Roza d'Oliveira (1945-2019), mestre moçambicana de ascendência portuguesa.

Enquanto colecionador e galerista, Ed Cross tem desenvolvido um intenso e pioneiro trabalho em torno da arte contemporânea africana, sendo responsável pelo lançamento dos mais relevantes artistas do continente africano e da sua diáspora. Destes, incluem-se autores de língua portuguesa como o moçambicano Mário Macilau (1984), um dos fotógrafos mais relevantes da sua geração, galardoado em 2023 com o prémio francês Roger Pic Award.

Com sede em Londres, junto ao Barbican Center, a Ed Cross - Fine Art tem procurado, desde 2009, criar espaço para o desenvolvimento independente dos seus artistas, bem como amplificar vozes historicamente silenciadas.

É precisamente neste contexto que se realiza a exposição "Sem título", desenvolvida em colaboração com a lisboeta Perve Galeria, que detém o espólio artístico de Teresa Roza d'Oliveira desde 2022. A partir de então, a sua obra foi destacada no VIP Lounge da AKAA - Also Known as Africa, em Paris; na secção África em Foco da ARCO Lisboa, a convite da curadora angolana Paula Nascimento; na 1-54 Londres; e nos leilões dedicados à arte moderna e contemporânea africana da Piasa, na capital francesa, e da Sotheby's, em Londres. Este percurso de reconhecimento internacional culmina agora nesta primeira exposição individual da artista na capital britânica, que marca a estreia da colaboração entre a Perve Galeria e a Ed Cross - Fine Art, à qual se seguirão outras importantes mostras que visam contribuir para o reconhecimento internacional dos artistas lusófonos.

Em "Sem título" são apresentados trabalhos realizados por Teresa Roza d'Oliveira entre a década de 1970 e 2019, ano do seu falecimento. Revela-se aí o seu universo plástico e imagético inconfundível, habitado por animais antropomórficos, criaturas aladas, serpentes e cenários de ressonâncias bíblicas. Corpos  desalinhados, infletidos sob a ação de forças exteriores que deixam marcas visíveis, permitindo intuir feridas psíquicas.

Parte de uma geração de artistas moçambicanos que incluía Alberto Chissano, Malangatana Ngwenya ou Roberto Chichorro, Teresa Roza d'Oliveira foi uma importante ativista pelos direitos das mulheres, pela independência do país que a viu nascer e pelo fim da ditadura portuguesa, explorando nas suas obras um sentido íntimo de liberdade, estabelecido contra restrições patriarcais e heteronormativas. Ainda assim, devido, em parte, à sua sexualidade e género, Teresa, que manteve uma relação com uma mulher nos últimos 30 anos da sua vida, viu-se apagada da história da cena artística e política na qual desempenhou um papel relevante.

Esta sua primeira exposição individual em Londres é um testemunho do compromisso da Perve Galeria em desafiar esse apagamento histórico, resgatando a obra de Teresa Roza d'Oliveira, redefinindo o seu lugar na história da arte contemporânea.

Mais informações: https://www.edcrossfineart.com/exhibitions/65-teresa-roza-doliveira-sem-titulo-ed-cross-at-19-garrett-street/overview/

 

ENG| The exhibition "Untitled", the first solo show in the UK by Teresa Roza d'Oliveira (1945-2019), a Mozambican master of Portuguese descent, will be on show from 1 to 29 February at the Ed Cross - Fine Art gallery in London.

As a collector and gallerist, Ed Cross has developed an intense and pioneering work around contemporary African art, being responsible for launching the most relevant artists from the African continent and its diaspora. These include Portuguese-speaking authors such as Mozambican Mário Macilau (1984), one of the most important photographers of his generation, who was awarded the French Roger Pic Award in 2023.

Based in London, next to the Barbican Centre, Ed Cross - Fine Art has sought, since 2009, to create space for the independent development of its artists, as well as to amplify historically silenced voices.

It is precisely in this context that the exhibition "Untitled" is being held, developed in collaboration with Lisbon's Perve Galeria, which has held Teresa Roza d'Oliveira's artistic estate since 2022. Since then, her work has been featured in the VIP Lounge at AKAA - Also Known as Africa, in Paris; in the Africa in Focus section of ARCO Lisbon, at the invitation of Angolan curator Paula Nascimento; at 1-54 London; and at the auctions dedicated to modern and contemporary African art at Piasa, in the French capital, and Sotheby's, in London. This journey of international recognition now culminates in the artist's first solo exhibition in the British capital, which marks the debut of the collaboration between Perve Galeria and Ed Cross - Fine Art, to be followed by other important exhibitions aimed at contributing to the international recognition of Portuguese-speaking artists.

"Untitled" presents works made by Teresa Roza d'Oliveira between the 1970s and 2019, the year of her death. It reveals her unmistakable plastic and imaginary universe, inhabited by anthropomorphic animals, winged creatures, snakes and scenarios with biblical resonances. Misaligned bodies, inflected under the action of external forces that leave visible marks, allowing us to intuit psychic wounds.

Part of a generation of Mozambican artists that included Alberto Chissano, Malangatana Ngwenya and Roberto Chichorro, Teresa Roza d'Oliveira was an important activist for women's rights, for the independence of the country she was born in and for the end of the Portuguese dictatorship, exploring in her works an intimate sense of freedom, set against patriarchal and heteronormative restrictions. Even so, due in part to her sexuality and gender, Teresa, who had a relationship with a woman for the last 30 years of her life, found herself erased from the history of the artistic and political scene in which she played an important role.

This, her first solo exhibition in London, is testimony to Perve Galeria's commitment to challenging this historical erasure, rescuing Teresa Roza d'Oliveira's work and redefining her place in the history of contemporary art.

For more information: https://www.edcrossfineart.com/exhibitions/65-teresa-roza-doliveira-sem-titulo-ed-cross-at-19-garrett-street/overview/